Plantão de Polícia

Câmera flagra batida violenta de Porsche contra Sandero; veja o vídeo

Empresário sumiu após provocar acidente que matou homem de 52 anos na zona leste da capital paulista; defesa diz que ele "está em choque"


Imagem de Capa

Câmera flagra batida violenta de Porsche contra Sandero

Reprodução

PUBLICIDADE

As imagens de uma câmera de monitoramento obtidas pela Polícia Civil mostram a violência com que o Porsche conduzido pelo empresário Fernando Sastre de Andrade Filho, de 24 anos, atinge um Renault Sandero, na madrugada de domingo (31/3), na zona leste de São Paulo. O acidente deixou um morto e um ferido.

Segundo as imagens (assista abaixo) o carro de luxo do empresário, avaliado em mais de R$ 1 milhão, estava em altíssima velocidade quando bateu contra a traseira do carro de aplicativo de Ornaldo da Silva Viana, 52 anos. O Porsche arrasta por alguns metros o veículo da vítima, que estava trabalhando. A luz de alguns postes chega a apagar, tamanha a violência da batida.


O vídeo reforça o que testemunhas disseram à polícia. Segundo os relatos, Fernando seguia em alta velocidade pela Avenida Salim Farah Maluf. Eram cerca de 2h20 quando o empresário fez uma ultrapassagem, em alta velocidade, e colidiu seu Porsche, modelo 2023, contra a traseira do Renault Sandero.

Por causa da alta velocidade, a frente do carro de luxo ficou completamente destruída, da mesma forma que a traseira do veículo da vítima.

Ornaldo foi levado para o Hospital Municipal do Tatuapé, onde chegou com quadro de parada cardiorrespiratória. A equipe médica tentou reanimá-lo, sem sucesso. Ele morreu por causa de "traumatismos múltiplos". Ornaldo era casado e deixa três filhos.

Fernando Sastre de Andrade Filho não havia se apresentado na delegacia até a publicação desta reportagem.

A defesa dele disse ao Metrópoles, nesta segunda-feira (1º/4), que ele "está em choque" e vai se apresentar à polícia. Segundo a advogada Carine Acardo Garcia, o empresário irá à delegacia "sem dúvida alguma" — no entanto, ela não detalhou quando fará isso. Sobre as circunstâncias do acidente, a defensora afirmou que precisa "se inteirar do caso" para então se manifestar.

Quem era a vítima

O homem que morreu no acidente era motorista de aplicativo havia quatro anos. Natural do estado do Maranhão, ele morava em Guarulhos, na Grande São Paulo.

Em homenagem publicada por um amigo em uma rede social, Ornaldo aparece em uma foto rezando e também participando como voluntário em um "ponto de oração", ação de evangelização de uma igreja evangélica.

Família de empresários

Já o motorista do Porsche nasceu em uma família de empresários que atuam no mercado imobiliário e de materiais de construção civil.

Fernando Filho teria participação em quatro empresas da sua família. Dessa lista, o nome dele só aparece no quadro de sócios da incorporadora Sastre Empreendimentos Imobiliários, registrado na Receita Federal (RF), juntamente com o pai, um tio e outro parente.

Veja o vídeo: 


Metropoles


Qual é a sua opinião sobre as declarações e ações de Elon Musk e do Ministro Alexandre de Moraes em relação às medidas impostas pelo STF, sobre a rede social “X” (antigo Twitter)?

Mais lidas de Plantão de Polícia
Últimas notícias de Plantão de Polícia